Crianças do Ensino Fundamental retornam para aulas nas EMEBs

Ingrid Coelho, 9 anos, chegou animada para a aula na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Professora Isabel Christina Marques de Oliveira, no Jardim Guanabara. Com seu uniforme escolar e o cabelo preso com um laço de fita vermelho com pedrinhas brilhantes, a menina aproveitou cada momento da aula de atividades artísticas no jardim da unidade escolar. O tema foi apresentado na atividade foi a continuidade das aulas apresentadas na semana passada: a natureza. “Estou feliz de ter voltado para a escola e poder fazer a atividade no jardim. É divertido. Estou montando um quadro com as folhas e flores da natureza que aprendi na semana passada”, contou a menina.

Ela é uma das crianças do Ensino Fundamental da Rede Municipal da Prefeitura de Jundiaí que retomaram presencialmente às atividades nesta segunda-feira (03), após as famílias ou responsáveis assinarem a carta de aceite, bem como o cumprimento do regramento de 35% de ocupação máxima em cada unidade escolar. “As equipes da Unidade de Gestão de Educação (UGE) conversaram com cada unidade escolar para detalhar o trabalho de retomada, conforme a característica de cada escola, baseado na metodologia de desemparedamento da Escola Inovadora da Educação de Jundiaí. Todos os regramentos sanitários estão sendo cumpridos, com a disponibilização de álcool em gel, aferição de temperatura, além do uso dos equipamentos de proteção necessários”, comenta a gestora Vastí Ferrari Marques.

Na manhã desta segunda-feira (3), as atividades na EMEB Isabel Christina contaram com aulas de artes, matemática e língua portuguesa nos ambientes abertos da escola. “As atividades realizadas fora da sala de aula oferecem para as crianças a oportunidade de vivenciar outras habilidades além do ouvir e escrever. Agregam conhecimento e possibilidades para o enriquecimento do aprender”, comenta a professora Mariângela Vergal, que apresentava conceitos de operações matemáticas para as crianças do 4º ano.

Lucas Henrique Cândido Costa estava atento aos problemas apresentados pela professora sobre unidades, centenas e milhares e suas somas, multiplicações e divisões. “Assim fica mais fácil”, comenta o menino enquanto manipula as peças de representativas das unidades numéricas enquanto aprendia sobre matemática e suas operações.

Entre os 40 mil alunos matriculados na rede municipal de Jundiaí, cerca de 21 mil que fazem parte do Ensino Fundamental, tiveram as aulas retomadas, de forma escalonada, cumprindo os regramentos sanitários determinados e aprovados pelo Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus (CEC) do município. O grupo atende à normativa de restrição de 35% da ocupação da unidade escolar.

A retomada das atividades conta com apoio de aplicativo para uso interno às Unidades de Educação (UGE), Promoção da Saúde (UGPS) e Inovação e Relação com o Cidadão (UGIRC) para o acompanhamento da evolução dos dados de número de casos relativos à pandemia da COVID-19, com foco para a identificação e avaliação dos cenários semanalmente, inclusive com boletim, que passa, a partir de sexta-feira (7) a ser publicado toda semana.