Avenida da Uva é contemplada com recuperação do Governo do Estado

A avenida da Uva, em trecho com 6 quilômetros que vai da rodovia Anhanguera ao bairro do Poste, está contemplada na Fase 2 do programa Novas Estradas Vicinais, do Governo do Estado de São Paulo. Anunciada pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem), a obra encontra-se em processo de licitação. Jundiaí também será beneficiada pelo mesmo programa com a recuperação do trecho da Marginal que liga a cidade à vizinha Várzea Paulista, prevista para a Fase 3.

“Temos mantido pleno diálogo e levado demandas importantes ao Governo do Estado, sempre em busca de mais infraestrutura para nossa cidade”, explica o prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado. “ A recuperação da avenida da Uva e do trecho de Jundiaí da Marginal são de grande importância, por se tratar de vias com grande circulação de veículos, importantes para nosso desenvolvimento econômico.”

Da rodovia Anhanguera, a avenida da Uva permite o deslocamento até a avenida Daniel Pellizzari, passando por baixo da rodovia dos Bandeirantes, em trecho que leva ao Bairro Novo Horizonte.

O gestor adjunto de Obras de Infraestrutura, Ademir Pedro Victor, lembra que a avenida da Uva ainda possui trechos com o pavimento original, dos anos 1980. “Pelo menos metade dela já passou por recapeamento, mas a outra metade ainda está com o asfalto original”, declara. “No local, serão feitos a fresagem e depois o recapeamento. É uma obra importante.”

No trecho da Marginal que liga à Várzea Paulista o investimento é da ordem de R$ 38 milhões. A obra considera sinalização, recuperação de leito, recapeamento, sinalização horizontal, contenção de margens, elevando o status da marginal para ‘rodovia’. O programa Novas Estradas Vicinais foi lançado pelo Governo do Estado de São Paulo nesta quinta-feira (6).

Também presidente da Aglomeração Urbana de Jundiaí, o prefeito Luiz Fernando realizou, em 26 de março, uma reunião com seis prefeitos da Região e com o diretor regional do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Cleiton Luiz de Souza, justamente para tratar da indicação, por parte de cada prefeito, das estradas vicinais que passarão por obras de recuperação.