Jovem sem CNH bate carro em poste e causa mortes de três pessoas

Um jovem de 18 anos, morador no Polvilho, em Cajamar, dirigia um Corsa pela Avenida Tenente Marques, altura do Banco Itaú, quando perdeu o controle da direção e bateu violentamente contra um poste de energia elétrica, por volta das 23h30 da noite de sábado (22). Por causa do acidente três jovens morreram.

O carro que ele dirigia estava com os pneus “carecas”, relataram os guardas municipais da Prefeitura de Cajamar, que atenderam a ocorrência.

No local morreram os passageiros do carro, Guilherme Pereira Evangelista, de 19 anos, e Julia Viviane Freire da Silva, de 19 anos, moradores do Polvilho.

A terceira passageira, Sthefany Rafaela Looze da Silva, de 18 anos, também moradora no Polvilho, perdeu o bebê que esperava no acidente e ficou internada em estado gravíssimo no hospital de Taipas, na Capital, até ter sua morte confirmada nesta manhã.

O delegado do Plantão Policial da cidade de Cajamar, doutor Bruno Rafael Filhiolino, compareceu ao Hospital Regional e tentou conseguir exame de sangue do jovem que dirigia o Corsa, mas ele se recusou. A Polícia Civil queria identificar o índice de toxicológico ou embriaguez.

Diante dos fatos, o doutor Bruno anunciou no hospital que o motorista estava preso por triplo homicídio; por dirigir veículo sem ter habilitação; por causar a morte do bebê que a terceira passageira esperava e por colocar em risco a vida de outras pessoas.

O delegado também requisitou à Polícia Militar de Cajamar que determine um policial para fazer a escolta do motorista até que ele se recupere, devendo recolhê-lo à Cadeia Pública da cidade tão logo se recupere dos ferimentos.

Os corpos das vítimas Guilherme e Júlia foram encaminhados para exames necroscópicos na manhã deste domingo (23) no Instituto Médico Legal (IML) de Franco da Rocha, sendo liberados para sepultamento à tarde no cemitério municipal de Cajamar.

O carro utilizado pelo jovem de 18 anos foi apreendido por determinação do delegado Bruno Filhiolino.

A jovem Sthefany que morreu nesta manhã


Foto: Cajamar Notícias / Fernando Crus