Golpistas fazem ‘captura facial’ para criar conta digital

Parece coisa de cinema, mas virou realidade. Golpistas estão “atraindo” vítimas para captura facial com a finalidade de abrir contas em bancos digitais e a partir daí fazerem financiamentos e outros golpes.

Uma moradora de Jundiaí procurou a Polícia Civil para relatar que recebeu uma ligação onde a pessoa do outro lado informava que havia ganhado um kit da Natura Cosméticos.

Em seguida, a pessoa do outro lado disse que o motoboy iria até a casa dela, para fazer as fotos confirmando a entrega dos presentes.

Mesmo sem entender o que havia ocorrido, a mulher concordou e ao receber o entregador com os presentes, ele disse que precisava tirar fotos (fazer a captura facial) dela no celular dele.

Passados alguns dias, a vítima recebeu em casa ligação de um banco digital com as fotos dela, querendo a confirmação dos dados para o financiamento de um carro.

O caso passou a ser apurado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) – que na semana passada também identificou um golpista que usava documentos falsos em nome do diretor de uma seguradora famosa.

O golpista tentava comprar um carro em loja de revenda da Vila Progresso.

Os policiais civis pedem para as pessoas não acreditarem em “presentes” do nada e muito menos permitir que seja feita a “captura facial” como ocorreu com essa vítima.

De alguma forma os golpistas já tinham os dados pessoais da vítima e aproveitaram para abrir conta digital usando o rosto da pessoa, como se fosse ela, por meio de aplicativo do banco digital.