Jundiaí é destaque na geração de empregos

Dados referentes a postos de trabalho e vagas de emprego colocam Jundiaí em destaque no cenário econômico atual, ainda em meio aos efeitos causados pela pandemia do coronavírus. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados pelo Ministério da Economia na última quinta-feira (1), a cidade teve um saldo positivo de 795 empregos com carteira assinada. Um dia antes, na quarta (30), o portal Jundiaí Empreendedora, lançado recentemente pela Prefeitura de Jundiaí, bateu recorde em oferta de vagas de emprego: 546 disponíveis na plataforma digital.

A pujança econômica, lembra o prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, está sendo reconhecida por diferentes instituições – inclusive de fora do Brasil. “Nossa cidade está entre as melhores das Américas para se investir, isso segundo a 6ª edição do ranking ‘Cidades do Futuro’, realizado pela FDI Intelligence, entidade ligada ao Financial Times”, declara o prefeito. “Em um ranking que tem Nova York em primeiro lugar, nós ocupamos a 13ª posição no mundo todo, o que mostra que estamos no caminho certo, com uma política pública voltada à geração de emprego e atração de empresas, ou seja, para gerar riqueza à cidade.”

“Adotamos, desde 2017, um modelo de governança que tem rendido frutos, aliado a uma gestão que aposta na inovação, com investimentos em tecnologia direcionados para o ambiente de ‘Cidade Inteligente’, além da desburocratização no serviço público”, recorda o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi. “Tudo isso contribui e muito para um melhor ambiente de negócios, com Jundiaí cada vez mais projetada para o cenário internacional.”

Postos de trabalho
Os 795 postos de trabalho gerados em maio em Jundiaí são calculados a partir da diferença entre as contratações (6.890) e as demissões (6.095) ocorridas no mês passado. Desde janeiro, Jundiaí está com saldo positivo de 4.336 empregos, com 36.095 admissões contra 31.750 desligamentos.

“Temos criado mecanismos para tornar o ambiente econômico cada vez melhor e buscado maneiras de ajudar o empreendedor da cidade”, afirma o gestor de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Cristiano Lopes. “Exemplo disso é a criação do portal Jundiaí Empreendedora, onde as empresas cadastram suas vagas de emprego; e outro exemplo que gosto de citar é o PDL (Programa de Desenvolvimento Local), uma parceria com o Sebrae dentro do programa Jundiaí Empreendedora, e que, por meio de um estudo, busca combater gargalos que impedem um crescimento ainda maior de nossa economia.”

No portal Jundiaí Empreendedora é possível encontrar vagas para diferentes áreas, como ajudante geral, auxiliar administrativo, marceneiro, jardineiro, garçom, cozinheiro, pizzaiolo, supervisor, frentista, auxiliar de limpeza, entre outras. As vagas são rotativas e mudam minuto a minuto.

Assessoria de Imprensa
Fotos: Fotógrafos PMJ

%d blogueiros gostam disto: