PM apura denúncia de maus tratos a deficiente em Jundiaí

Policiais militares do 49º Batalhão de Jundiaí foram acionados na manhã desta sexta-feira (17) para apurar denúncia de maus tratos a um homem com deficiência intelectual, no bairro do Jardim Tamoio.

Segundo a equipe relatou ao delegado Florisval Silva Santos, do 3º Distrito Policial, na Ponte São João, houve uma denúncia ao telefone 190 de que um homem vivia acorrentado no interior da residência.

Quando os policiais chegaram na casa a sobrinha do deficiente pediu um tempo para ligar para o seu pai e depois franqueou a entrada dos policiais para averiguar a denúncia.

O deficiente, apesar de problemas mentais, disse que sofre maus tratos e fome.

Enquanto os policiais colhiam dados do deficiente, o proprietário do imóvel chegou e relatou que não pratica maus tratos, mas às vezes é necessário restringir a saída do irmão para a rua, porque ele tem crises.

O delegado determinou a elaboração de boletim de ocorrência para averiguação e também haverá consultas à APAE e ao CRAS da Prefeitura, sobre o atendimento ao paciente.