Mutirão do MEI se encerra com 600 atendimentos em três dias

Realizado pela Prefeitura de Jundiaí em parceria com a TV TEM (afiliada local da TV Globo) e o Sebrae, o Mutirão do MEI terminou nesta quarta-feira no Parque da Uva com 600 atendimentos durante os três dias do evento. A Rede Jundiaí de Cooperação, vinculada à Unidade de Gestão de Governo e Finanças (UGGF), atuou em conjunto para a realização do evento.

“O Mutirão do MEI foi uma forma dar apoio aos que buscam qualificação e novos rumos profissionais. Jundiaí tem protagonismo no cenário nacional pela cultura altamente empreendedora e o Mutirão comprovou isso”, explica o prefeito Luiz Fernando Machado.

Para o gestor da Unidade de Gestão de Governo e Finanças (UGGF), José Antonio Parimoschi, o Mutirão do MEI deu apoio aos que buscam qualificação, regularização e novos rumos profissionais, fortalecendo a economia local. “O mutirão possibilitou que o empreendedor busque um novo negócio e uma fonte de sustento da sua família”, explicou.

De acordo com o gestor da UGDECT, Cristiano Lopes, a ação foi uma ótima oportunidade para dar suporte necessário aos empreendedores de Jundiaí. “O caminho do empreendedorismo é de fundamental importância no atual cenário econômico e no Mutirão eles encontraram alternativas para que tenham uma vida longa nos negócios “, afirmou

“O Mutirão do MEI foi a chance para o munícipe sair em poucas horas com seu negócio formalizado. O maior volume de procura nestes três dias foi pela formalização do MEI, regularização e negociação de débitos. Os empreendedores procuraram por isso para deixar regularizado tudo para seu negócio virar renda”, explicou o gestor de negócios do Sebrae, Tiago Antunes.

O diretor de Ciência e Tecnologia da Prefeitura, Julio Durante, valorizou o trabalho feito por todos durante os três dias de evento. “Foi um atendimento excelente com um número importante de atendimentos que regularizam sua atividade, encerram sua atividade, receberam informações. Saíram daqui com um conhecimento maior para que o sonho de montar seu próprio negócio dê certo”, explica.

Para Rodrigo Arantes, coordenador de comunicação institucional da TV TEM, o Mutirão alcançou o objetivo de facilitar a vida do microempreendedor. “Cumpriu a missão nestes três dias de formalizar, abrir MEIs e orientar com um fluxo bacana de pessoas. Encerramos este evento com um saldo positivo”, afirma.

Para o diretor de Fomento ao Comércio e Serviços, Enrico Arkchimor Milamonti, a formalização do MEI é importante. “Se formalizar faz toda a diferença para os empreendedores e o trabalho feito nestes três dias ajudou muito os empreendedores da cidade.”

Quem passou pelo Mutirão do MEI nestes três dias ainda, ajudou quem mais precisa. Com entrada gratuita, o evento promoveu a ação solidária Bem Legal, em parceria com a TV TEM, que consiste na doação de um quilo de alimento não perecível, dentro do prazo de validade ou rações, pela Campanha Focinho Solidário, na portaria do Parque Comendador Antônio Carbonari. As arrecadações serão revertidas para famílias em situação de vulnerabilidade e seus ‘pets’, a partir do Fundo Social de Solidariedade de Jundiaí (Funss) e da Unidade de Gestão de Desenvolvimento e Assistência Social (UGADS).

Após o Mutirão do MEI, a população interessada ainda poderá fazer a sua contribuição na unidade, que funciona como um ponto permanente de arrecadação na cidade. O endereço é o Parque da Uva, com acesso pela Avenida Dona Manoela Lacerda de Vergueiro, s/n, portão 03, Anhangabaú. Informações pelos telefones: 4589-6319 e 4589-6320.

%d blogueiros gostam disto: