Homem é enterrado como desconhecido em cemitério

O Cemitério Nossa Senhora da Piedade, em Várzea Paulista, sepultou como desconhecido o homem que morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no início da semana.

O homem que não portava documentos foi socorrido por ambulância da Prefeitura até a UPA, dando entrada como desconhecido. Ele foi internado na sexta-feira (07), evoluiu para óbito e o corpo encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí.

Apesar de todos os esforços dos funcionários, em tentar levantar a identidade pelas impressões digitais, a vítima não tinha cadastros no sistema Prodesp da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo.

Como os sistemas de banco de dados de digitais não é integrado, ele pode ser de qualquer parte do País.


O homem era de cor parda, aproximadamente 1,70 metro de altura, aparenta ter 40 anos e não tinha qualquer tatuagem.

Os cabelos eram curtos, encaracolados, de cor castanho, cavanhaque e bigode. Barba por fazer.

Se alguém souber de homem com essas características que esteja desaparecido pode mandar até o IML de Jundiaí, na rua Nelson Vilaça, no Cemitério do Montenegro, no Jardim do Lago, em Jundiaí.

Foram feitas fotos do falecido, para caso algum parente esteja procurando por ele.

 

%d blogueiros gostam disto: