Denise Stoklos apresenta o espetáculo ‘Abjeto-Sujeito: Clarice Lispector’ no Sesc Jundiaí

Em dupla sessão, nos dias 20 e 21 de maio, a atriz, diretora e encenadora Denise Stoklos apresenta, no palco do Sesc Jundiaí, o encontro de seu teatro essencial com a obra de Clarice Lispector, pontuado por canções de Elis Regina.

Os ingressos estão à venda e podem ser adquiridos pela web e na bilheteria física da unidade a partir de R$ 9,00.

O espetáculo ‘Abjeto-Sujeito: Clarice Lispector por Denise Stoklos’ tem dramaturgismo de Welington Andrade e direção de Elias Andreato. Em cena, Stoklos performa diversos textos de Clarice, como os contos “A quinta história” e “O ovo e a galinha”, além de trechos dos romances ‘Água viva’ e ‘A paixão segundo G. H.’ e da crônica “Vergonha de viver”.

Muitos anos após declinar o convite do diretor Fauzi Arap (1938-2013) para criar um espetáculo com textos de Lispector, Stoklos decide encarar agora esse desafio e o resultado é uma investigação radical a respeito de como o corpo, a voz e a emoção da intérprete expressam uma palavra literária empenhada em dizer o que a todo momento beira o indizível.

Canções de Elis
Além da “reapresentação” de personagens de Clarice, a cena também será constituída por canções na voz de Elis Regina — momentos que irão explorar coreografias criadas por Denise Stoklos. Para o espetáculo, “foram escolhidas faixas de uma Elis mais soturna e existencialista”, afirma Welington Andrade. Algumas das músicas selecionadas são: “Meio-Termo”, “Os argonautas” e uma versão à capela de “Se eu quiser falar com Deus”.

Leitora dedicada de Clarice Lispector desde os 17 anos, Denise Stoklos contribuía, no final da década de 1960, para o jornal do diretório acadêmico da Faculdade de Jornalismo da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, onde estudava.

Encontro com Clarice
Grande admiradora da escritora, foi ao Rio de Janeiro, descobriu o endereço de Clarice na lista telefônica e ligou para ela por meio de um telefone público, embaixo do prédio. A própria Clarice atendeu a jovem universitária, que lhe pedia uma entrevista e mandou que Denise subisse.

Feitas as primeiras perguntas, Clarice disparou: “Você não veio me entrevistar, você veio me conhecer, não é? Então, deixe de lado a caneta e o bloco de anotações e vamos conversar.” Do encontro, Denise guardou para sempre a imagem daquela mulher fascinante — ucraniana, assim como ela.

Serviço
Espetáculo Abjeto-Sujeito: Clarice Lispector
Com Denise Stoklos
Dia 20, às 20h Dia 21, às 19h Teatro | 220 lugares
Classificação: 16 anos
Ingressos: 9,00 (credencial plena), 15,00 (meia) e 30,00 (inteira)

Venda de ingressos
On-line pelo endereço: sescsp.org.br/jundiai
Na bilheteria física: Avenida Antônio Frederico Ozanan, 6600 – de terça a sexta, das 9h às 21h30, e, sábado e domingo, das 10h às 18h30.

O que é necessário para acessar a unidade

Em caso de atividade que exija ingressos, será necessário apresentar o ticket com QR Code na entrada do evento.

O uso da máscara é recomendado durante a permanência na unidade.

%d blogueiros gostam disto: