Homem assassinado na rua da Várzea era torneiro mecânico

 

David, vítima de assassino que desferiu golpes de faca na rua da Várzea, em Jundiaí 

A família de David Michel dos Santos reconheceu o corpo dele no Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí nesta segunda-feira (15).

David, que tinha 37 anos, foi morto com sete golpes de faca por um homem que fugiu do local na rua da Várzea Paulista, em frente ao número 541, por volta das 22 horas de sábado (13), entre os bairros da Agapeama e Vila Progresso.

Câmeras de monitoramento gravaram a ação do criminoso, que pode ter levado a carteira da vítima.

Segundo um irmão, no Plantão da Polícia Civil, o David trabalhava como torneiro mecânico e residia no Jardim Maria de Fátima, na cidade de Várzea Paulista.

Quem tiver denúncias sobre o assassino pode ligar no telefone 181.

Não precisa se identificar. Não há identificador de chamadas nesse número, para garantir o anonimato nas denúncias.

%d blogueiros gostam disto: