Polícia Civil de Cabreúva faz “Bom dia Papai”, para devedores de pensão

Sob o comando do delegado Ruiter Martins da Silva, investigadores da Delegacia de Polícia Civil de Cabreúva iniciaram na manhã desta sexta-feira (23) uma operação conjunta com policiais de Itupeva e Louveira, para cumprimento de mandados expedidos pela Justiça.

Um dos principais volumes de ordens para prisão é de pais que não pagam pensão alimentícia para os filhos, no chamado “Bom dia Papai”, com policiais chegando nas casas em horário que estão saindo para trabalhar.

O chefe dos investigadores de Cabreúva, Cristiano, disse que os policiais civis também saíram para cumprimento de outros mandados da Justiça, como de pessoas procuradas por tráfico, furtos, estelionatos e roubos.

O Tribunal de Justiça do Estado informou ao “Jornal da Região” que os despachos dos juízes das Varas de Família “estão em dia” na Comarca. Porém, várias mães comentaram na notícia publicada sobre operação semelhante da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Jundiaí que a situação não é real.

São muitas as mulheres que relatam demora de meses ou até ano, para sair uma decisão da Justiça.

“Os casos mais urgentes recebem prioridade e, atualmente, não há nenhum processo aguardando decisão há mais de 100 dias, conforme parâmetro estipulado pelo Conselho Nacional de Justiça para configuração de excesso de prazo” informou o Tribunal de Justiça.

As mães que tiverem problemas devem questionar os seus advogados.

 

%d blogueiros gostam disto: