Polícia Civil apreende central de gravações da casa da vítima de assassinato

A Polícia Civil pode esclarecer nas próximas horas o assassinato de Maria Suley da Silva Callegari, de 57 anos, que foi encontrada morta em sua casa na rua Geraldo Gomes de Paula, no bairro do Almerinda Chaves.

A equipe do delegado Marcos Luchesi Farias, do 5º Distrito, apreendeu uma central de gravação de câmeras da residência.

Os policiais estão verificando cada imagem, para saber quem foi que entrou no imóvel antes de a vítima ser morta com golpes de faca.

A mulher foi encontrada morta no banheiro, na manhã de segunda-feira (26). Ela tinha perfuração profunda de faca no pescoço e lesões pelo corpo. Os peritos descartaram suicídio.

O companheiro da vítima, que é caminhoneiro, está sendo aguardado na Delegacia, quando voltar de viagem, para prestar depoimento.

No dia dos fatos os policiais encontraram marcas de sangue na parede do quarto, em um edredom, além da faca utilizada no crime.

A Polícia Científica apreendeu a faca, para perícia.

 

%d blogueiros gostam disto: