Criança atropelada recebe PMs e ganha presente

Os soldados Cleon e Arilando, da Polícia Militar do Estado de São Paulo, foram nesta quinta-feira (12) até o Hospital Universitário (H.U.) de Jundiaí para visitar uma criança que está internada depois de ter sido atropelada no dia 4 deste mês na rua Mato Grosso, no bairro do Jundiaí Mirim.

O garoto Kelvin, de 11 anos, andava de bicicleta quando se envolveu em um acidente de trânsito com uma moto. No impacto foi arremessado para baixo de um caminhão guincho que estava estacionado na rua.

Os policiais militares Cleon e Arilando receberam o chamado, via 190, e rapidamente se deslocaram para o atendimento da ocorrência.

“No local, Kelvin estava deitado no chão, com várias escoriações pelo corpo e um ferimento mais grave na região da cabeça e no rosto”, disse Cleon.

O trabalho dos policiais militares no local foi o de acalmar os familiares e manter o garoto calmo, já que ele estava bastante agitado.

“O desespero é grande em situações como essa, por parte da família, pois o temor maior é pela vida da criança. Nós policiais militares precisamos estar sempre preparados para tudo e fazer o melhor para agilizar o atendimento médico”, disse Arilando.

O atendimento da dupla de policiais militares não parou por aí.

Kelvin foi socorrido por uma Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros e teve apoio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

O menino, que teve de ser entubado, permaneceu na UTI por alguns dias.

No começo desta semana, Kelvin apresentou melhoras, indo pra o quarto.

Após oito dias de tratamento, uma surpresa fez toda diferença na recuperação do garoto.

Os policiais militares que atenderam a ocorrência se mostraram preocupados com a criança e resolveram levar um presente.

Novo Amigo

Além de Kelvin, os militares fizeram mais um amigo no hospital, o garoto Wallace. Ele está internado no hospital há mais de um mês tratando de uma doença.

O sonho de Wallace é ser policial quando crescer. Ele ficou muito feliz com a visita dos policiais militares.

“A Polícia Militar fortalece, em seus bancos escolares, o sentimento que nós, seres humanos, temos pelo próximo. Dessa maneira, nossa missão vai além de oferecer a sensação de segurança pública, mas também praticar gentilezas, bondade, ser empático e prestativo na vida do próximo. Estamos nesse mundo para servir ao próximo”, comentou o soldado Cleon.

O presente

Kelvin ganhou dos policiais militares uma camiseta do Homem de Ferro, que segundo Cleon, representa força e resistência. Exatamente o que Kelvin precisou para se recuperar rapidamente dos ferimentos sofridos no acidente.