Número de MEIs aumenta 30% em Jundiaí

Considerado a porta de entrada para o empreendedorismo, o Microempreendedor individual (MEI) registrou crescimento de 30% em Jundiaí no período de um ano. Em dezembro de 2018, eram 17.534 MEIs na cidade. Atualmente, já são 22.839. A cidade segue a tendência nacional de crescimento. No Brasil já existem 9,3 milhões de microempreendedores.

Cabeleireiros, manicures e pedicures são os MEIs com mais formalizações na cidade. Ao todo, a cidade registra no momento 1.857 MEIs no segmento. Microempreendedores individuais de comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios aparecem na sequência com 1.275, enquanto que profissionais de promoção de vendas fecham o trio com 1.035 formalizações.

Números da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) mostram o crescimento da taxa de empreendedorismo no Brasil e o reflexo na recuperação da economia brasileira. Em 2018, 38% dos brasileiros em idade produtiva estavam envolvidos em algum tipo de atividade entre micro e pequenos empreendedores, o que representa aproximadamente 52 milhões de pessoas – o segundo melhor desempenho desde 2002.

Diferentemente dos anos 2014 e 2015, auge da crise econômica, o empreendedorismo por oportunidade vem crescendo em proporção ao empreendedorismo por necessidade. Nos últimos três anos esse número chegou a 62% contra 56% do período da crise.

Quem tem interesse em se formalizar como Microempreendedor Individual (MEI) pode contar com a ajuda do Escritório Regional do Sebrae-SP em Jundiaí, localizado na R. 23 de Maio, 41, na Vila Vianelo. O telefone do ER é: (11) 4523-4470.