Sindicatos de servidores querem reunião com Doria

O Sindicato dos Peritos Criminais do Estado de São Paulo (SINPCRESP), integrantes do Fórum de Carreiras de Estado (FOCAE-SP) e outras entidades que representam os servidores públicos de São Paulo promoverão, amanhã, dia 10, um grande encontro no Palácio dos Bandeirantes para protocolar um pedido de audiência com o governador João Doria. Os representantes desejam apresentar os impactos negativos da Reforma da Previdência Estadual.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 18/2019 e o Projeto de Lei Complementar (PLC) 80/2019, que pretendem alterar as regras das aposentadorias e pensões do funcionalismo paulista, foram apresentados pelo governador no ano passado. Desde então, o SINPCRESP e outras entidades que representam profissionais da segurança pública, educação e saúde, lutam para que as alterações não prejudiquem o serviço público e a própria população pois, temendo perder os direitos conquistados nas últimas três décadas, os servidores estão antecipando a aposentadoria.

Ainda no ano passado, o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou, por meio de decisão liminar provisória, a suspensão da tramitação da PEC por entender que o texto poderia trazer graves consequências para o funcionalismo. Com a retomada dos trabalhos na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), após o recesso parlamentar, os servidores temem que a proposta volte para a votação sem as alterações necessárias.