Tablets encurtam distância entre pacientes e familiares

Com foco especial na humanização hospitalar, a equipe de psicologia do Hospital São Vicente de Paulo deu início a um projeto especial voltado para pacientes diagnosticados com Covid-19. A ação começou neste domingo, Dia das Mães. Por meio do uso de um tablet, foi possível colocar pacientes e familiares em contato, momento em que a tecnologia ajudou a encurtar distância e gerar fortes emoções.

“É uma iniciativa simples, mas muito positiva. Este encontro virtual deixa o paciente mais calmo e animado contribuindo para que a internação seja menos dolorosa e angustiante. A família fica mais tranquila, pois apesar de receber o boletim médico diariamente, ver e falar com o paciente faz toda a diferença”, diz a psicóloga Sandra Lança.

A ação foi muito bem recebida por todos. “Pacientes relataram que ficaram felizes com a iniciativa, ficando emocionados e agradecidos por esta ação”, destaca a psicóloga Nayara Pancelli, que também participa da atividade.

De acordo com Nayara, o projeto está só começando e certamente propiciará momentos emocionantes para todos. As chamadas serão realizadas mediante avaliação da demanda emocional dos pacientes e de seus familiares, sempre visando um conforto para ambos.

Para que a ação fosse possível, protocolos de higiene foram seguidos, por isso é possível notar que o tablet está revestido com material que permite a higienização após cada chamada.

“Foi muito emocionante, todos nós ficamos felizes em poder ver minha irmã e ter a certeza de que ela está bem. Também notamos que ela ficou muito contente em ter a oportunidade de conversar com a gente e nos ver pela tela. O trabalho que vocês estão fazendo é maravilhoso, só temos que agradecer”, diz Marli da Graça Souza, irmã da paciente Márcia que permanece em recuperação no hospital.