Dono do Madero se surpreende com sumiço dos clientes

O dono da rede de restaurante Madero, Junior Durski, disse que terá de se reinventar. Em Curitiba foi liberada a reabertura do comércio no dia 15 de abril. Ele contou no canal Band News que para sua surpresa os clientes sumiram. Na loja que recebia 400 pessoas por dia, agora recebe no máximo 30.

Junior Durski acredita que apesar da liberação para reabertura do comércio com distanciamento de 1,5 a 3 metros e uso de máscaras, a população ainda está com medo de sair de casa.

O empresário explicou que foi obrigado a fazer demissões para não quebrar. Falou que todos os empresários precisam fazer cortes para se recuperar e recontratar quem foi dispensado.

Outra medida que vai ter de tomar é a busca por um lanche bom e mais acessível do que o padrão de R$ 40,00. Quando tudo voltar ao normal, ele acredita que o cliente de R$ 40,00 vai voltar. “É hora da gente se reinventar”, disse na Band News.

Em Jundiaí o Madero do JundiaíShopping foi para o iFood, oferecendo todo o seu cardápio para quem está em casa. No mesmo shopping o KFC foi para a Uber Eats e a procura pelas tirinhas de frango tem sido grande.

O restaurante China in Box foi obrigado a investir mais no iFood e em pratos populares, em média de de R$ 25,00 por pessoa.