Pedreiro morre com sinais de espancamento

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí apura um possível homicídio no bairro do Ivoturucaia. O pedreiro José Amaro Oliveira, de 52 anos, o “Zé do Cachimbo”, foi encontrado por familiares na cama, em estado grave, com sinais de espancamento no rosto e na cabeça.

Ele foi socorrido ao Pronto Atendimento Central (PA) e transferido para o Pronto Socorro do Hospital São Vicente de Paulo, evoluindo para óbito.

 

 

Familiares conversaram com ele, mas dizia coisas desconexas.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para ser necropsiado.

Segundo policiais civis a vítima apresentava lesões no rosto e traumatismo craniano, provocados provavelmente por espancamento.

Agora os policiais da DIG tentam encontrar testemunhas do que ocorreu. Se você tiver informações pode ligar no telefone 181 do Disque Denúncia. Não precisa se identificar. A linha não tem identificador de chamadas, para garantir o anonimato de quem colabora com as investigações.