Pit-bull ataca criança de 3 anos em Itatiba

A pequena Yasmin, de 3 anos, sofreu ataque de um cão pit-bull no condomínio Getulio Luvison, em Itatiba. Ela passou por uma cirurgia na face na Santa Casa. A cirurgia correu bem e agora ela está no quarto.

O cão feriu mais duas pessoas: um menino de 4 anos (que teve um ferimento no couro cabeludo mas que está bem, já em casa) e a avó da Yasmin, que fraturou um dos braços e passará por cirurgia.

O prefeito da cidade, Douglas Augusto, disse que a Guarda Municipal apreendeu o cachorro e gravações do possível dono foram encaminhadas para a Polícia Civil.

“Agradecemos a Deus, aos médicos e principalmente aos “anjos da guarda” da Yasmin: um cidadão e a avó dela, que conseguiram conter o animal”, contou Douglas.


“Não é possível que isso passe impune”, disse.

Mobilização

A Guarda Municipal mobilizou as equipes do Grupo de Patrulhamento Ostensivo Com Motos (GPOM), Ambiental e demais viaturas para o Condomínio Getúlio Luvison. Lá, foram informados de que um cachorro da raça Pit Bull havia atacado três crianças e, uma avó havia quebrado o braço no socorro da neta. Um homem ainda foi ajudar as vítimas.

A equipe GPOM informou a rede Rádio da Guarda Municipal, sendo iniciado pela RE-63 o contato com as vítimas ainda no hospital Santa Casa de Itatiba .

A RE-63 se deslocou com apoio do GPOM ao condomínio Getúlio Luvison para qualificar uma das vítimas. Enquanto era elaborado o relatório policial , um dos patrulheiros do GPOM visualizou o animal dentro de um pasto (área de Mata) do outro lado da via .

Diante disso iniciaram as diligências e cerco ao animal, que tentou fugir, mas interceptado e capturado por um destemido patrulheiro do GPOM que o segurou com as próprias mãos até a chegada de uma corda para amarrá-lo e a contenção definitiva .

A detenção do animal foi muito importante para a segurança de todos que transitavam por ali , haja vista que os ataques gerou uma comoção pública associada ao medo de todos a um novo ataque .

O animal foi capturado e repassado ao Controle do Bem Estar do Animal (COBEMA) para seus devidos cuidados.

Diante das imagens de monitoramento do condomínio e algumas empresas da região, será investigado o proprietário do animal para que responda criminalmente por OMISSÃO DE CAUTELA NA GUARDA DE ANIMAIS .

As vítimas já foram todas socorridas e a população ficou livre de futuros ataques graças ao trabalho árduo e de extrema dedicação dos guardas municipais .

Os morados do Getúlio Luvison agradeceram e reconheceram a dedicação da Guarda Municipal na segurança local

 

 

%d blogueiros gostam disto: