ACE Jundiaí doa freezer para o Banco de Leite Humano

Diante da pandemia muitos Bancos de Leite estão sofrendo com a queda dos estoques. Aqui em Jundiaí o cenário é diferente! Após um trabalho voltado para a divulgação de como doar, a capacidade chegou a 100%. Para dar conta do armazenamento dos leites já pasteurizados foram necessários novos equipamentos para mantê-los bom para o consumo durante 6 meses. Percebendo essa demanda, a Associação Comercial Empresarial (ACE) doou nesta quarta-feira, dia 5, um freezer no qual vai proporcionar o estoque de mais 30 litros.

Estiveram no Banco de Leite para a entrega Mark William Ormenese Monteiro, presidente da ACE; Orlando Fabrício, diretor da ACE e foram recepcionados pelo diretor administrativo do Hospital Universitário, Asimar Cardoso e a nutricionista e coordenadora do BLH, Marcela Bionti, que mostraram todas dependências e o trabalho passo a passo da coleta de leite

O diretor administrativo do Hospital Universitário, Asimar Cardoso, o qual o Banco de Leite faz parte, agradeceu a doação deste item tão importante. “Este freezer vai proporcionar o aumento de atendimento aos recém-nascidos”, concluiu ele.

De acordo com Mark William Ormenese Monteiro, presidente da ACE, essa doação é pouco perto de tudo que representa o BLH. “É gratificante uma vez que a gente faz o bem e vemos o profissionalismo, o trabalho e os cuidados que são realizados, tudo faz sentido”, reforça o presidente.

O diretor da ACE, Orlando Fabrício, comentou que é muito interessante o trabalho realizado pelo BLH. “Tudo que é feito para a criança e a mãe, desde a orientação até o leite para o recém-nascido é muito sério e interessante”, comentou o diretor.

Segundo Marcela Bionti, nutricionista e coordenadora do BLH, o freezer doado representa o crescimento do serviço e possibilitou aumentar o atendimento, e ela pede que continuem as doações de leite. “Mesmo com os estoques cheios, é preciso sempre ter doadoras novas para que a situação permaneça estável e possamos dar conta de atender os recém-nascidos dos Hospitais Universitário, Pitangueiras e Paulo Sacramento”, diz ela.

Toda mulher que está amamentando e tem leite em excesso é uma possível doadora. Para doar, basta ser saudável e não estar fazendo uso de nenhum medicamento que interfira na qualidade do leite materno. A equipe do Banco de Leite retira o leite na casa da doadora, desde que resida em Jundiaí, Itupeva, Cabreúva, Itatiba, Louveira, Várzea Paulista e Campo Limpo Paulista.

As interessadas podem entrar em contato com o Banco de Leite, a equipe fará uma breve entrevista e, estando apta para ser doadora, as profissionais vão até a residência e ensinam como fazer a ordenha e armazenamento. O telefone do Banco de Leite é 0800-178155.

A empresa Perfecto também emprestou por três meses um freezer para ajudar neste momento que o BLH está precisando de armazenagens extras.