Polícia Rodoviária faz Operação para redução de acidentes com motos

O 4º Batalhão da Polícia Rodoviária em Jundiaí desencadeou na manhã deste domingo (23) mais uma edição da Operação Moto Speed, para orientações aos motociclistas sobre as medidas de segurança a fim de evitar acidentes. Os policiais montaram pontos de abordagens nas rodovias Anhanguera e Bandeirantes.

O major Maurício Guerra informa que a operação ocorre durante todo o dia. A receptividade dos condutores tem sido boa.

Segundo a Agência Reguladora de Transportes (Artesp), houve redução de 20% no número de acidentes envolvendo as motos nas rodovias do Estado de São Paulo, durante a pandemia.

Mas os números neste ano ainda são altos, com  3.325 acidentes só no primeiro semestre, contra 4.178 ocorrências do ano passado.

Ações educativas

Além das operações da Polícia Militar Rodoviária, há trabalhos das concessionárias, com acompanhamento da ARTESP, de cunho educativo, como veiculação de mensagens de orientação nos painéis eletrônicos das rodovias e campanhas de conscientização, como monitoramento em pontos estratégicos e medidas operacionais de segurança.

A Agência é parceira no Programa Respeito à Vida , iniciativa responsável pela gestão do Infosiga SP, que contabiliza dados sobre acidentes fatais de trânsito no Estado de São Paulo.

“Embora a pandemia tenha influenciado na diminuição do tráfego nas rodovias, as medidas de segurança viária que temos adotado têm contribuído diretamente para a redução das ocorrências, inclusive as envolvendo motociclistas, que ficam muito mais expostos em caso de acidentes”, aponta o diretor geral da ARTESP, Milton Persoli.
No mapa, cada ponto significa uma pessoa ferida ou morta em acidente de trânsito em geral na região de Jundiaí

“Juntamente com as concessionárias e a Polícia Rodoviária, seguimos estratégias alinhadas aos padrões internacionais e os resultados têm sido significativos, por isso seguimos com o objetivo de reduzir cada vez mais este índice.”

Dados gerais do Infosiga SP, que incluem todas as rodovias do Estado, inclusive as não concedidas, também apresentaram redução nos acidentes envolvendo motos, foram 4.749 ocorrências no primeiro semestre do ano, número 14% menor na comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram registrados 5.566 acidentes.