Homem morre atropelado por trem em Várzea

A Polícia Civil de Várzea Paulista tenta identificar um homem que morreu depois de ter sido atropelado por um trem na linha férrea na altura da Chácara Santa Maria.

A vítima é parda, aparenta ter cerca de 30 anos e possuí uma tatuagem no peito com a palavra “Piercing”.

O homem chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Várzea Paulista. Mas não há maiores detalhes de como ocorreu o acidente e do desconhecido.

O corpo foi encaminhado para a geladeira do Instituto Médico Legal (IML) e ficará aguardando a procura por parte de algum parente, para reconhecimento e sepultamento.

Quem tiver algum parente desaparecido pode procurar a Delegacia de Polícia Civil na rua José Rabelo Portela, em frente da KSB, em Várzea Paulista.

Esse é o segundo atropelamento por trem nos últimos dias.

O último caso foi de um jovem de 25 anos que morreu ao ser atingido por uma composição em Louveira, quando caminhava pelos trilhos ouvindo música em fone do celular.