Educação de Jundiaí auxilia na transição escolar dos alunos

A transição escolar é uma das etapas que mais exige atenção compartilhada entre pais, responsáveis e professores, afinal, cada período tem sua exigência e fases de desenvolvimento. Em cada novo ciclo, os conteúdos vão ficando mais complexos e diferentes metodologias são incluídas. As mudanças são necessárias, mas não podem prejudicar a infância, devendo assim respeitar os direitos e limites das crianças.

Para que os estudantes da rede municipal de ensino se adaptem às transformações, a Unidade de Gestão de Educação (UGE), da Prefeitura de Jundiaí, realiza o acompanhamento dos alunos da educação infantil ao ensino fundamental, com conteúdos que envolvem a saúde emocional e outros correlatos ao segmento e ano de cada ciclo.

A ação busca facilitar a mudança para um ambiente acolhedor e que permita a continuidade do aprendizado, sem ruídos ou grandes dificuldades. “Estamos em diálogo com a Diretora Regional de Ensino para realizarmos as reuniões entre as escolas que abrangem o ensino fundamental I e receberão o fundamental II, assim entendemos quais são as formas de reforço, ensino, demandas e aplicabilidade na prática”, explica a gestora da Unidade de Gestão de Educação, Vastí Ferrari Marques.

Marjorie Samira Ferreira Bolognani, diretora do ensino fundamental, também destaca a importância dessas práticas na formação dos estudantes. “A tabulação das avaliações realizadas de maneira não presencial foi encerrada no último dia 30, dentro dos critérios da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Nos reunimos com a supervisora do Estado, apresentamos nosso currículo em foco e ali está descrito o que cada turma precisa aprender, em que nível está, inclusive as crianças com alguma dificuldade de aprendizagem, que necessitam de plano pedagógico específico”.

Além de garantir que os alunos tenham respaldo suficiente diante da pandemia do Coronavírus, o acompanhamento possibilita a transição responsável, compromissada às aprendizagens das crianças e a melhor adaptação ao novo ciclo.

Coronavírus
Conforme estabelecido pelo decreto nº 28.910, de 16 de março de 2020, publicado na página 03 da edição extra 4696 da Imprensa Oficial, considerando a execução de medidas necessárias para preservar a saúde da população, avaliadas pelo Comitê Municipal de Prevenção e Enfrentamento ao Coronavírus, as aulas das escolas municipais de Educação Infantil e do Ensino Fundamental, das creches conveniadas, do Centro Municipal de Educação de Jovens e Adultos (Complexo Argos e classes descentralizadas) e do Centro de Línguas e de Tecnologia da Informação permanecem suspensas, por tempo indeterminado.