Guarda apreende 1.700 porções de drogas na Vila Esperança

A equipe de Apoio Tático composta pelos guardas Lima/ Jonas/ Volpiani e estagiário Pereira, coordenados pelo Sub Inspetor Carobeli, foram solicitados para atenderem uma ocorrência onde um idoso estaria tendo mal súbito, em uma residência na Vila Esperança. Ao chegarem no local informado, a equipe foi recebida por uma senhora, na qual franqueou a entrada da equipe para prestar o atendimento. Foi questionado sobre a situação de problemas de saúde, onde a mesma informou que seu marido sofre de alguns problemas de saúde, porém, naquele momento não estaria precisando de ajuda, pois estaria bem, não havendo necessidade de acionar a equipe de SAMU.

No local haviam duas casas, a equipe foi realizar contato com o morador da outra casa que se encontra no mesmo terreno, onde sentiram forte odor de substância entorpecente vindo de dentro do imóvel, momento em que os guardas conseguiram visualizar que no interior da casa um indivíduo estaria dormindo, visualizando também diversas porções de entorpecentes embaladas prontas para a venda na estante.

Diante do exposto a equipe adentrou a residência onde logrou êxito em deter o indivíduo em posse de diversas porções de maconha e k2 ( maconha sintética), totalizando aproximadamente 1700 porções.

Indagado sobre as drogas, o mesmo confessou ser responsável pelo abastecimento de um ponto de venda de drogas localizado na vila esperança, em Jundiaí.

Diante dos fatos a ocorrência foi conduzida ao plantão policial de Jundiaí onde o indivíduo foi preso em flagrante pelo artigo 33 (Tráfico de entorpecentes) da lei 11.343.