Quadrilha de adolescentes ataca condomínios de Jundiaí

Uma quadrilha formada por adolescentes da Capital voltou a agir em condomínios de Jundiaí. Uma jovem de 17 anos foi presa pelo porteiro de um condomínio de alto padrão da Vila Arens quando tentava fugir, após arrombamento e furto em dois apartamentos.

A jovem disse ao investigador Júlio e delegado Paulo Sérgio Martins do 4° DP que já havia furtado apartamentos de outros três condomínios recentemente em Jundiaí e estava muito fácil passar pelas portarias. Agora o 4° DP procura as vítimas dos outros crimes.

A jovem que mora no bairro da Liberdade, na Capital, vinha com outros adolescentes para Jundiaí e chegava na portaria “de máscara” falando que era de determinado apartamento. Em alguns casos os “bandidinhos” pesquisam nomes de moradores.

Com o porteiro liberando o acesso, a jovem pedia para deixar “um amigo entrar junto”. Há ocorrências em que os jovens ladrões, depois de entrarem no condomínio e arrombarem os apartamentos, ligavam para a Portaria “autorizando” a entrada de mais “amigos” (bandidinhos).

Joias e eletrônicos

Dentro dos apartamentos os ladrões pegam tudo o que encontram de valor. Da moradora que teve apartamento arrombado na Vila Arens estavam levando um notebook e um ipad da Apple, joias, perfumes e até sapatos.

O comparsa agrediu o porteiro com chave de fenda na cabeça e pulou o muro. A jovem de 17 anos deu vários tapas e chutes, mas o porteiro conseguiu imobilizá-la.

Na Delegacia, apesar da jovem ser menor de idade, o delegado Paulo Sérgio Martins entendeu que é um caso grave e formação de quadrilha, merecendo manter a “criminosinha” atrás das grades para tentar localizar os comparsas. Por isso a importância do registro dos furtos nas delegacias, para tentar localizar os produtos levados.

O 4° DP e as demais delegacias da cidade vão funcionar normalmente durante a Fase Vermelha, para atendimento da população..