Cobrador passa mal em loja e morre

O cobrador Ronaldo Gimene, de 40 anos, morador na Vila São José, em Várzea Paulista, passou mal no interior da Loja Cem da rua Vigário JJ Rodrigues, no Centro de Jundiaí e foi socorrido por uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), vindo a óbito em seguida.

De acordo com depoimento de funcionários para a Polícia, a vítima fazia serviços externos e após o término do trabalho, se ofereceu para ajudar um amigo a instalar um ventilador em cabo de aço. Enquanto segurava a escada de alumínio, sofreu um mau súbito.

O SAMU 192 foi chamado e socorreu o cobrador para o Hospital São Vicente de Paulo, onde foi constatado o óbito.

O Serviço Funerário da Fundação Municipal de Ação Social (FUMAS) levou o corpo de Ronaldo para exames necroscópicos no Instituto Médico Legal (IML) por determinação do delegado Antônio Dota Júnior e o sepultamento foi programado para às 10 horas desta quinta-feira (27) no Cemitério de Várzea Paulista.

matéria atualizada

IML identifica traumatismo craniano na morte de cobrador | JORNAL DA REGIÃO (jr.jor.br)