Vem aí mais uma ‘super frente fria’

ALEXANDRE DE AQUINO

(FOLHAPRESS) – Uma nova frente fria deve chegar a São Paulo na próxima quarta-feira (28) e no Sul do País há a expectativa de ser a mais forte do século, segundo o Instituto MetSul.

Neste sábado (24), a expectativa é de que o dia seja ensolarado, seco e os termômetros atinjam a máxima dos 26°C durante o dia.

As madrugadas, contudo, ainda serão frias e as mínimas podem chegar a casa dos 10°C neste domingo (25).

A máxima para amanhã deverá ser de 27°C, de acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

“A gente vai ter uma acentuada redução da umidade do ar nos próximos dias. A massa de ar frio que passou perdeu força, mas a característica dessa massa continua atuando. É um ar muito seco e com a falta de nuvens, o sol brilha forte e o que temos é o aquecimento e o ressecamento desse ar. Até a próxima terça-feira [27], os dias terão predomínio de sol, tempo seco e temperatura em elevação”, explica Thomaz Garcia, meteorologista do CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas) da Prefeitura de São Paulo.

A umidade relativa do ar tem a mínima prevista de 25% tanto para este sábado quanto para o domingo.

As temperaturas mais elevadas, contudo, devem durar pouco.

Super frente fria

Uma frente fria chega ao sul do estado na própria terça já promovendo chuvas no litoral e Vale do Ribeira e avança já na madrugada de quarta-feira (28) sobre a capital com pancadas de chuva e declínio acentuado de temperaturas.

A massa de ar polar associada a essa frente fria tem potencial de promover as mínimas temperaturas do ano e geadas em grande parte do estado entre a sexta-feira (30) e o próximo fim de semana.

“Isso deve acontecer porque uma outra onda de frio de origem polar, a terceira desse inverno, irá adentrar a América do Sul pelo centro norte argentino, situação meteorológica que favorecerá novamente o frio intenso e por mais dias consecutivos”, explica Garcia.

A previsão dos institutos de meteorologia é de que tanto o final do mês de julho como o início de agosto será de baixas temperaturas.