Traficantes guardavam maconha em vaso sanitário

Cerca de 10 kg de drogas, galões de álcool de cereais (para a fabricação de haxixe) e balança de precisão foram descobertos pelos guardas que atuam na especializada Operações com Cães da Guarda Municipal de Jundiaí no Jardim São Camilo. Durante o patrulhamento pela rua Idalina Gonçalves Dias, um indivíduo correu em direção a uma viela o que gerou desconfiança dos guardas.

O cão Gold rapidamente foi levado a viela e indicou uma residência que estava aberta.

A maioria das drogas estavam escondidas no banheiro, dentro do vaso sanitário. O Cão que foi colocado para farejar, indicou aos guardas o local que estavam as drogas. Segundo o subinspetor Daniel que coordenava os guardas Júlio César, Rufino e Júlio, o dono da residência confirmou que havia jogado a maconha no vaso para despistar os guardas.

No fundo do quintal os guardas localizaram enterrados, o restante das drogas, como o alcool com cereais, porções de haxixe e a balança. Os guardas disseram que a casa localizada na viela 25 era usada como laboratório de drogas.

Dois homens, sendo um deles o proprietário da casa foram detidos e levados até o plantão policial.

Toda a droga foi recolhida e levada até o Instituto de Criminalística para análise.

O delegado titular do 3º DP, ratificou a voz de prisão para ambos por tráfico de drogas e recolhidos até a carceragem do Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista.

No total foram 10,8 kg de maconha, 298 gramas de cocaína, 40 gramas de crack e nove galões de álcool. Também foram apreendidos a balança e um celular.

Somente no mês de julho, o Canil da GMJ retirou das ruas de Jundiaí cerca de 30 kg de drogas com a detenção de três homens por tráfico de drogas.

A Gestora de Segurança Municipal , coronel Carla Basson, elogiou a atuação dos guardas e parabenizou pelo excelente trabalho no combate à criminalidade.