Homem fica 24 horas sequestrado. Bandidos fizeram vários saques

Uma movimentação suspeita – com vários saques e tentativas de empréstimos em nome de um cliente – fez uma agência bancária ligar para a família da vítima, relatando sobre a situação, anormal.

A família passou a procurar pelo homem, de 54 anos e avisou a Polícia Civil e a Polícia Militar, na terça-feira, dia 05.

Segundo informações de familiares aos policiais a vítima teria deixado a empresa em que trabalha para ir ao médico, mas desapareceu no caminho. Se não fosse o banco avisar, não teriam percebido de imediato que havia algo de errado.

Na tarde desta quarta-feira (06) policiais militares localizaram o carro utilizado pela vítima para trabalho, em um matagal, no Vilarejo, em Cabreúva e, ao lado do veículo havia várias fitas adesivas, indicando que possivelmente a vítima foi imobilizada e levada pelos criminosos.

No início da noite desta quarta, o delegado do 1º Distrito Policial de Jundiaí, Marco Antônio Ferreira Lopes, foi informado do encontro da vítima no bairro do Medeiros.

Como a vítima estava debilitada e sem condições de prestar depoimento, ela foi convidada para comparecer na Delegacia de Cabreúva nesta quinta-feira (07), para prestar esclarecimentos.

O carro, com placas de São Paulo, localizado em matagal, foi devolvido para a empresa pela Polícia Civil de Cabreúva, após perícia da Polícia Científica.

 

%d blogueiros gostam disto: