Pais que não pagam pensão recebem “visita” da Polícia

A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Jundiaí iniciou na manhã desta quarta-feira (21) a Operação Pais e Filhos, com o objetivo de prender pais que não pagam as pensões dos filhos, e que têm decisões expedidas pela Vara da Família, para prisão.

De acordo com a investigadora-chefe da DDM, Lilian Pichi, dois dos presos possuem mais de R$ 30 mil em dívidas de pensões.

Para que a Delegacia da Mulher vá atrás dos pais que não pagam os valores devidos, é necessária uma decisão judicial.

Nesta quarta-feira foram expedidos sete mandados de prisões. Mas apenas quatro deles é que foram capturados e recolhidos para o Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista.

A delegada que coordenou a operação é Aline Nery Bonchristiani. Trabalharam ainda os investigadores Caio e Andrea, com escrivãs Tatiane e Ana relatando as prisões para encaminhamento à Justiça.

Vara da Família

De acordo com o Tribunal de Justiça, em Jundiaí todas as varas de famílias estão com andamento de processos em dia, não ocorrendo atrasos.

As mães devem cobrar seus advogados caso tenham algum problema.

%d blogueiros gostam disto: