Frente fria intensa pode fazer nevar no Brasil em mês inédito

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O fim de outubro e o início de novembro serão marcados pelo avanço de duas frentes frias vindas pelo sul do Brasil. A mais forte deve ocorrer no feriado de Finados, que acontece no dia 2. De acordo com os institutos de meteorologia Climatempo e o MetSul, regiões de Santa Catarina e da Serra Gaúcha podem registrar a ocorrência de neve e chuva congelada na terça-feira (1), e o frio pode se estender para todo o Centro-Sul, incluindo São Paulo.

Na quarta-feira (2), estão previstas as temperaturas mais baixas para esse período. Há a possibilidade até de os termômetros ficarem negativos.

A onda de frio fora de época pode trazer o primeiro registro de neve em um mês de novembro no Brasil. O Climatempo destaca que esse evento climático seria inédito na história, desde que se há registro.

O MetSul alerta para o fato de as previsões do tempo, principalmente em relação ao frio, serem mais precisas durante o inverno. Portanto, o cenário ainda pode mudar até a semana que vem.

Antes disso, ainda em outubro, uma frente fria menos intensa chega ao Rio Grande do Sul amanhã, com risco de vendaval e queda de granizo, além de muita chuva. Veja aqui a previsão desta semana pelo país.

FRIO SE ESPALHA PELO PAÍS EM NOVEMBRO

O MetSul prevê ainda que a onda de frio deve chegar a outros cantos do Brasil no início do mês, na semana que vem. As regiões Centro-Oeste e Sudeste também podem registrar baixas temperaturas na semana que vem.

É o caso de São Paulo. O Climatempo prevê uma forte queda nas temperaturas a partir de quarta-feira (2) na capital paulista, com máxima de 14ºC e mínima de 12ºC durante o feriado. Na quinta-feira (3), a previsão é de 11º de mínima, e os termômetros não passam a casa dos 14ºC.Para encerrar a semana, os paulistanos vão enfrentar temperaturas entre 11ºC e 16ºC na sexta-feira (4), antes de os termômetros voltarem a subir.

O QUE EXPLICA

Temperaturas tão frias como as previstas para o início do próximo mês são incomuns para essa época do ano. Segundo o MetSul, o avanço da primavera tende a trazer mais calor e umidade, além da recorrência de pancadas de chuvas, marcas típicas do verão.

O instituto ressalta que a previsibilidade de geadas é menos acurada durante a primavera, com a confirmação sendo possível com menos antecedência. Mesmo assim, os meteorologistas consideram atípicos os indicativos de neve para novembro no Brasil.

Especialistas explicam que a frente fria peculiar em novembro se dá pela atuação mais intensa do fenômeno climático La Niña, causador da diminuição da temperatura da superfície das águas do Oceano Pacífico, nas últimas semanas.

Além disso, um ciclone extratropical na costa da região Sul vai trazer umidade do mar para o continente, e fortes correntes de ar ajudam a derrubar as temperaturas. O aquecimento global e as mudanças climáticas também colaboram para alterações no padrão das temperaturas pelo planeta.

%d blogueiros gostam disto: