Lula é internado para retirada de lesão na laringe

STELLA BORGES

(UOL-FOLHAPRESS) – O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi internado neste domingo (20) no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para a retirada de leucoplasia da prega vocal esquerda, uma lesão na laringe. Ele teve alta nesta segunda-feira (21), pouco antes das 8h, e passa bem.

Segundo boletim médico divulgado pelo hospital, o presidente eleito foi submetido a uma laringoscopia e o procedimento mostrou ausência de neoplasia, ou seja, de tumor.

O UOL procurou a assessoria do petista, mas ainda não teve retorno.

No dia 12 de novembro, antes de viajar para o Egito para participar da COP27 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas), Lula passou por exames de rotina no Sírio-Libanês. Na ocasião, boletim médico divulgado já havia apontado que foram detectadas “alterações inflamatórias decorrentes do esforço vocal e pequena área de leucoplasia na laringe.”

A leucoplasia laríngea é uma lesão branca na mucosa.

No boletim divulgado naquele dia, os médicos também apontaram exames “seguem mostrando completa remissão do tumor diagnosticado em 2011”. Em outubro daquele ano, Lula descobriu que estava com câncer na laringe. O petista passou por três ciclos de quimioterapia e 33 sessões de radioterapia até que, um ano depois, o tumor sofreu regressão completa.

Durante a disputa presidencial deste ano, chamou atenção a rouquidão apresentada pelo então candidato. A assessoria do petista justificou que o problema era decorrente do excesso de eventos de campanha.

O presidente eleito chegou a São Paulo no sábado (19), depois de passar pela COP, no Egito, e por Portugal. Na conferência climática da ONU (Organização das Nações Unidas), o petista pregou uma união global em torno das questões climáticas, cobrou os “países ricos” por suas promessas de contribuição na causa e criticou a gestão do presidente Jair Bolsonaro (PL) sobre o tema, marcando uma contraposição com seu futuro governo.

Em Portugal, ele se reuniu com a comunidade brasileira e se encontrou com o presidente do país, Marcelo Rebelo de Sousa, e com o primeiro-ministro, António Costa. Na ocasião, o presidente eleito prometeu reaproximação do Brasil com o mundo após janeiro, quando tomará posse.

Veja a íntegra do boletim médico divulgado:

“O Presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva deu entrada ontem, no Hospital Sírio-Libanês, para a realização de uma laringoscopia para retirada de leucoplasia da prega vocal esquerda. O procedimento mostrou ausência de neoplasia.

Ele teve alta hoje, às 7h45, e foi acompanhado pelas equipes médicas coordenadas pelo Prof. Dr. Roberto Kalil Filho, Dr. Artur Katz, Dr. Rubens Brito, Dr. Rui Imamura e Dr. Luiz Paulo Kowalski

Dr. Luiz Francisco Cardoso Dr. Ângelo Fernandez
Diretor de Governança Clínica Diretor Clínico”

%d blogueiros gostam disto: