EMEB recebe certificado Programa Escola do Bem

A EMEB Alceu de Toledo Pontes recebeu a certificação, do Instituto NOA pela participação no Programa Escola do Bem, que tem como premissa incentivar e difundir as boas práticas sustentáveis estabelecidas nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs) da Organização das Nações Unidas (ONU). A partir do próximo ano, várias atividades serão incorporadas ao programa pedagógico da unidade elaborado no conceito Escola Inovadora.

A entrega foi realizada no gabinete do Prefeito Luiz Fernando Machado pela presidente do Instituto, Lucy de Miguel, que também oficializou a certificação para a cidade e para a escola ‘Crescer e Aprender’ – creche credenciada pela Prefeitura de Jundiaí que fez a indicação da unidade municipal para a participação do projeto.

“Educação é um pilar de investimento da gestão e é focado na construção de uma sociedade preparada para os desafios do futuro, sustentável e engajada com os Objetivos da ONU. Por isso, Jundiaí passou a fazer parte da Rede Cidade das Crianças. Todas as ações que são realizadas, contam com  análise direcionada, embasadas na premissa de que uma cidade que boa para as crianças, é boa para todos. Quanto mais ações envolvidas, maiores os ganhos para a sociedade”, detalha o prefeito.

A diretora da EMEB Alceu de Toledo Pontes, Maria de Lourdes Pollegatto R. Carbonari reconhece a importância do projeto e a inclusão de mais atividades a partir do próximo ano. “Neste ano tivemos a mobilização para arrecadação de material. No próximo ano teremos mais ações, com a mobilização social. As pessoas querem realizar boas ações”, explica.

Para a presidente do Instituto, Lucy de Miguel, destaca as iniciativas municipais. “Jundiaí já conta com várias iniciativas positivas que vamos levar como exemplo para outras cidades. O Programa Escola do Bem é mais uma ação para desenvolver ações de cidadania entre a população, formação de professores, resgate do brincar, além de outras ações de desenvolvimento social e sustentável”, destaca.

Lápis, caneta, borracha, lápis de cor, lapiseira, apontador, marca-texto, caneta hidrocor, entre outros itens, compõem a lista dos materiais que podem ser reciclados. Todo o material será enviado para a Terracycle, encarregada de fazer a reciclagem, transformando-os em bancos, lixeiras, cabides, etc.