Área social reforça serviços à população vulnerável

A Assistência Social está entre os serviços essenciais definidos pelo decreto municipal que estabelece medidas de enfrentamento ao coronavírus na cidade de Jundiaí. Frente a isso, a Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social intensificou ações de atendimento à população mais vulnerável.

De acordo com a gestora Nádia Taffarello Soares, como parte providências está a possibilidade de contato remoto com os serviços da assistência, bem como a ampliação da oferta de banhos no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP). “Considerando as limitações de circulação e aglomeração, e evitando o perecimento de direitos, pensamos numa atuação que aliasse a garantia de direitos da população em situação de vulnerabilidade, o uso de tecnologias e a preservação da saúde dos servidores da Assistência. Os serviços continuam com as portas abertas, sem agendamentos. Mas a fim de evitar aglomerações e deslocamentos à toa, disponibilizamos ainda o atendimento telefônico, para que o usuário do serviço se informe previamente.”

 

Cras e Creas

Os seis Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e no Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas) permanecem com atendimento. É sugerido ao usuário que, antes de comparecer ao local, faça contato telefônico a fim tentar solucionar suas demandas remotamente. Além dos telefones, são disponibilizados

celulares, que também atendem via WhatsApp:

  • Creas – telefone: 4521-7142/ celular: 94087-4521;
  • Cras Tamoio – telefone: 4527-3900/ celular: 94088-7395;
  • Cras Vista Alegre – telefone: 4815-3662/ celular: 94087-4564;
  • Cras São Camilo – telefone: 4526-8609/ celular: 94087-4526;
  • Cras Santa Gertrudes – telefone: 4537-2981/ celular: 94087-4528;
  • Cras Novo Horizonte – telefone: 4817-3998/ celular: 94088-7399;
  • Cras Central – telefone: 4522-1033/ celular: 94088-7365;

 

Atendimento a idosos

O Centro de Referência do Idoso (Criju) (Complexo Argos) e o Centro de Convivência do Idoso (CCI) (Cidade Administrativa) permanecem fechados e seus serviços suspensos, assim como as atividades do Criju Itinerante. Já os serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos que tiverem participação de idosos passam por reformulação, a fim de minimizar os efeitos do isolamento social e quadros de depressão, comuns nesse público.

 

Atendimento à população em situação de rua

Seguem com funcionamento normal os equipamentos voltados ao atendimento da população em situação de rua, como o Centro Pop, abrigos, equipes de abordagem e representantes dos Cras e Creas. Nessa quarta-feira (18), as equipes envolvidas nesse serviço passaram por capacitação de saúde sobre adequação dos serviços, como a ampliação da oferta de banhos e de orientações de higiene, como aplicação de álcool gel às mãos de todos os usuários que acessam o serviço.

Os recâmbios, que são as destinações dos indivíduos para os Municípios de origem, seguem com procedimento normal, desde que estabelecido o contato com o familiar ou responsável pelo acolhimento no destino.

 

Criança Feliz

Conforme determinado pelo governo estadual, estão suspensas as visitas do programa às residências. No Município, a equipe responsável trabalha na elaboração de kits com atividades, que darão cobertura temporária ao cronograma do programa.

 

Cartão SIM

O atendimento para orientações sobre o procedimento de solicitação do cartão SIM (transporte público) segue com realização na sede da UGADS, que fica na rua Senador Fonseca, 605, Centro. Também é sugerido o contato prévio por telefone, no número (11) 4497-0008, para obtenção de orientações quanto aos procedimentos.

 

Banco de Alimentos

A entrega das cestas verdes nos Cras segue o cronograma já existente, mas de modo individual, visando à garantia de segurança alimentar das famílias beneficiários. Ficam suspensos, no entanto, por tempo indeterminado, os grupos de Educação Alimentar, a fim de eliminar aglomerações. A distribuição da semana passada, realizada nessa quinta-feira (19) no Cras São Camilo já seguiu essa determinação.

 

Visitas domiciliares

Estão suspensas as visitações de familiares para crianças e idosos acolhidos em Organizações da Sociedade Civil (OSC), em Instituições de Longa Permanência de Idosos, acolhimento institucional de crianças e adolescentes ou em “Família Acolhedora”. A decisão, tomada em acordo com o Ministério Público, Poder Judiciário e familiares dos assistidos, prevê ainda, para que haja menos prejuízo à manutenção de vínculos, contato por videoconferências, telefonemas e mensagens de áudio, a fim de que haja menos prejuízo.

 

Medidas socioeducativas

Conforme provimento do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, estão suspensos por 30 dias, prorrogáveis, os cumprimentos de medidas socioeducativas, voltadas para adolescentes que cometeram atos infracionais. O acompanhamento técnico, ainda definido pelo TJ, deverá ser feito à distância, evitando a quebra de vínculo.

 

Conselhos Tutelares

Os três Conselhos Tutelares (CT) do Município, que são órgãos independentes e autônomos, informam que será mantido um servidor administrativo em cada unidade, para atendimento em horário comercial. Fora desse horário, casos emergenciais serão atendidos pelos conselheiros em regime de sobreaviso, por meio de celular de plantão, realizando intervenções presenciais, se necessárias, após rápida validação por colegiado usando meios telefônicos e eletrônicos.

 

Conselho Tutelar 1

Telefone: (11) 4521-4608

Telefone de Plantão: (11) 95550-9938

Conselho Tutelar 2

Telefone: (11) 4526-7726

Telefone de Plantão: (11) 95606-3620

Conselho Tutelar 3

Telefone: (11) 4522-0324

Telefone de Plantão: (11) 99681-5403