Contratações da Prefeitura são apenas emergenciais

A Prefeitura de Jundiaí, por meio da Unidade de Administração e Gestão de Pessoas (UGAGP), informa que, até o mês de outubro, registra 264 desligamentos decorrentes de aposentadorias e exoneração, em diversos cargos efetivos e Unidades de Gestão.

Nos termos da Lei Complementar 173/2020, que estabelece o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus (Covid-19), as reposições podem ser realizadas decorrentes de vacâncias de cargos efetivos ou vitalícios.

Os concursos públicos também só podem ser realizados, visando as mencionadas reposições.

A UGAGP esclarece que, nos casos que existe concurso em vigência, as reposições já estão sendo realizadas.

Foram chamados, por exemplo, aprovados nos concursos de Guarda Municipal, Técnico em Enfermagem e algumas especialidades médicas.

Já os processos de concursos em curso para os cargos de Procurador do Município, Agente de Trânsito, Técnico em Edificações, Médicos, Educador Esportivo, Professores I e II, quando do início da pandemia, tiveram suspensas a aplicação de suas provas objetivas, devendo ser retomadas quando da liberação do estado de calamidade pública.

A UGAGP acrescenta que outros concursos poderão ser realizados, diante da necessidade das Unidades de Gestão.

Governo Federal prevê contratar 51 mil servidores | JORNAL DA REGIÃO (jr.jor.br)