Safra da uva Niagara em Jundiaí está prestes a começar

Jundiaí, a maior produtora de uva Niagara Rosada do Estado, está prestes a iniciar a colheita. Em um ano repleto de desafios trazidos pela pandemia, a agricultura foi uma das poucas atividades que não parou em nenhum momento.

O “home office” do produtor de uva de Jundiaí é embaixo do sol e de chuva, realizando adubações, podas, desbrotas, capinas e colheitas. Jundiaí produz, em média, na safra de Verão, 25 mil toneladas de uva, e na de Inverno outras 8 mil toneladas.

O produtor Anderson Alex Tomasetto, por exemplo, já começou a colher em sua centenária propriedade, no Traviú. O clima foi uma dificuldade: a seca muito severa e o frio tardio interferiram na produção, mas a qualidade está inalterada. “Os cachos estão um pouco menores, porém a uva está mais doce”, conta. “Minha expectativa é que o preço compense essa ‘quebra’ de produção”, diz. Cada planta, em média, produz de 10-12 kg. “Uva não vai faltar”, garante.

Jonatas Fortes de Oliveira, do bairro Champirra, também já começou a colheita, embora ainda aguarde os resultados da comercialização. “O poder de compra da população diminuiu, creio que ainda vamos sentir os efeitos da pandemia”, diz.

Segundo a diretora de Agronegócio da Unidade de Gestão de Agronegócio, Abastecimento e Turismo (UGAAT), Isabel Harder, não foi um ano nada fácil. “A disparada do dólar, que consequentemente elevou os preços dos custos de produção, como os fertilizantes, por exemplo, trouxe muitas incertezas, agravadas pelo clima – essencial para toda produção agrícola, e que tem sido alterado de forma cada vez mais imprevisível”, diz.

A incerteza no mercado também levou os agricultores a buscar novas estratégias para a comercialização. Segundo a diretora Isabel, quanto ao mercado, a estimativa é que a maior parte da venda ainda seja através de centrais de abastecimento”. “Mas a venda direta esse ano será maior do que qualquer outro ano anterior, como consequência dos novos modelos de comercialização criados em função da pandemia, sendo o site da UGAAT um desses canais”, diz.

Com o ano terminando, e a safra da fruta mais famosa de Jundiaí apenas começando, dezembro é o mês de andar por bairros tradicionais – Toca, Roseira, Rio Acima, Corrupira, Champirra, São José e Medeiros – e se deparar com as uvas Niagara dominando a paisagem, aliado ao seu perfume característico.

Onde comprar
É possível ter acesso à uva diretamente nas propriedades ou até no conforto de casa, recebendo direto do produtor. No site da UGAAT é possível efetuar a busca por produtores de uva e de outras frutas, que oferecem delivery ou retirada. Basta clicar aqui.

%d blogueiros gostam disto: