Jundiaí não terá redução da frota de ônibus

As mesmas 6 mil viagens que foram realizadas diariamente no último mês, em Jundiaí, serão mantidas na Fase Vermelha, que terá duração de 15 dias, de acordo com a determinação expedida pela Prefeitura de Jundiaí para as concessionárias do transporte coletivo da cidade. A medida foi adotada com o objetivo de manter o atendimento à população que usa o transporte público para se deslocar e aqueles que trabalham nos setores com funcionamento permitido, sem prejuízo de horários ou itinerários.

“Antes da pandemia tínhamos a circulação diária pelo sistema de 110 mil passageiros. Durante o pico da pandemia, esse número caiu para cerca de 24 mil pessoas. Nos dois últimos meses, a média foi de 60 mil pessoas/dias. A UGMT estima que haverá redução de cerca de 20 mil passageiros por dia”, avalia Leslie Tealdi, Diretor de Transporte Público.

Mais medidas

Além dos tótens de álcool em gel disponíveis nos terminais de transporte público, a Unidade de Gestão de Mobilidade e Transporte (UGMT) irá instalar mais dispositivos para uso da população. Outra medida, será a intensificação das orientações com equipes da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) sobre a necessidade de atenção às regras sanitárias de proteção individual e coletiva.

A higienização dos veículos – já realizada com lavagens e aplicação de produto sanitizante – deverá ser intensificada, bem como a limpeza dos espaços das plataformas.

“Somente com o apoio de todos, no sentido de usar a máscara, higienizar as mãos e manter o distanciamento, será possível avançar na luta contra o Novo Coronavírus”, explica o gestor da UGMT, Aloysio Queiroz.