Vendas do Dia dos Namorados no e-commerce devem representar 17% em Jundiaí

As vendas no e-commerce para o Dia dos Namorados devem representar 17% do comércio varejista, segundo levantamento realizado pelo Instituto de Dados da Associação Comercial Empresarial (ACE) de Jundiaí.

A pesquisa realizada pela ACE ouviu 837 pessoas no período de 18 a 22 de maio e mostrou que as vendas no e-commerce para o Dia dos Namorados podem ter uma média de participação superior com a esperada no restante do Estado (14%). “Os dados reforçam a necessidade de as lojas físicas marcarem presença no digital”, explica o presidente da ACE, Mark William Ormenese Monteiro.

Segundo ele, a necessidade de o comerciante marcar presença online já foi apontada pela ACE na primeira pesquisa realizada pelo Instituto de Dados em dezembro. “A pandemia acelerou a transformação digital em até cinco anos e o comerciante precisa se adequar ao novo cenário”, diz. “Mesmo que ele não tenha a intenção de montar um ecommerce, é preciso interagir com o consumidor no online, seja pelas redes sociais ou por aplicativos como WhatsApp”, completa.

Para auxiliar o empreendedor a enfrentar este novo cenário e a buscar soluções inovadoras e tecnológicas, que possam garantir a sobrevivência e o crescimento das empresas, a ACE Jundiaí lançou em janeiro o projeto Inovace, que reúne diferentes ações. Uma delas é a mentoria Start Digital, que em abril mostrou a associados como vender usando o potencial do digital com estratégia e lucratividade. Uma próxima turma será montada nas próximas semanas.

Sobre o Instituto de Dados ACE Jundiaí

O Instituto de Dados da ACE foi lançado em dezembro de 2020, com uma pesquisa de Natal. O objetivo da Associação Comercial é realizar estudos, com análises e interpretações de dados que possam indicar quais as melhores práticas e tendências do mercado e com isso orientar a tomada de decisões e identificar oportunidades para melhorar os negócios de empreendedores do município.

As pesquisas já realizadas, inclusive a do Dia dos Namorados, está disponível no link: https://www.acejundiai.com.br/instituto-de-pesquisa-pesquisas-relatorios/

Com informações da assessoria de imprensa.