Endoscopia do HSV ganha espaço revitalizado

O setor de Endoscopia do Hospital de Caridade São Vicente de Paulo (HSV) passa a funcionar em uma nova ala do hospital a partir desta semana. O novo espaço – localizado junto à Enfermaria III – foi reformado, ampliando e adequando a infraestrutura de salas para garantir maior conforto, segurança e atendimento humanizado aos pacientes internados ou que dão entrada na unidade por meio do serviço de emergência e que necessitam de exames realizados pela equipe do setor, tais como a endoscopia e colonoscopia. O investimento foi da ordem de R$ 150 mil, com recursos do próprio hospital em parceria com a Prefeitura Municipal de Jundiaí.

O superintendente do HSV, Matheus Gomes ressalta as melhorias realizadas. “Ampliamos a área do serviço de 60 m² para 80 m², no local anterior tínhamos uma sala de exame a agora passamos a contar com duas, ampliamos de um para dois leitos de Recuperação Pós Anestésica e aperfeiçoamos o sistema de segurança com instalação de áreas de desinfecção completamente adequada as normas vigentes, além de sistema de climatização dutado, com renovação de ar. Com esses avanços temos um setor renovado, compatível com os melhores hospitais do país e com capacidade de ofertar um serviço de altíssima excelência aos nossos pacientes”.

De acordo com o médico coordenador do serviço, Dr. Valdecir Finardi, o setor funciona 24 horas. “Em casos de urgência o exame é essencial, por exemplo, para diagnosticar uma hemorragia interna, identificar um corpo estranho que tenha sido ingerido, avaliar os danos da ingestão de substâncias caustica, em situações de obstruções intestinais e outas situações. Entre pacientes internados, o exame ajuda a avaliar um quadro de anemia ou auxiliar na passagem de sonda, em casos que o paciente não consegue se alimentar”, explica.

De forma geral, o exame permite a visualização, por meio de um tubo flexível de fibras ópticas, com sistema de iluminação e vídeo, de áreas internas do corpo humano. No caso da endoscopia, é possível observar a parte superior do trato gastrointestinal, composta por esôfago, estômago e duodeno, que é a parte inicial do intestino. Na colonoscopia, são visualizados intestino grosso e parte do íleo terminal (parte final do intestino delgado). O procedimento é feito sob sedação, por isso produz o mínimo de desconforto.

%d blogueiros gostam disto: