Família ainda não conseguiu achar Landão

O morador da Vila Progresso, em Jundiaí, Orlando Teixeira Peres – que tem deficiência mental -, está desaparecido desde o dia 15 de novembro de 2018. A família não desiste das buscas.

Ele tomava remédios controlados para tratar mal de Parkinson e saiu por pouco tempo na porta de casa e sumiu.

A sobrinha, Roberta, contou ao “Jornal da Região” que a família foi em 14 cidades da região à procura de “Landão” – como era conhecido.

Foram visitas a hospitais, delegacias, IMLs, clínicas e nada.

A informação do desaparecimento dele foi compartilhada nas redes sociais, por meio dos CAPs de todo o Estado e ninguém trouxe informação concreta.

Uma gravação da entidade Amarati mostrou que ele tomou rumo da estrada de ferro ou da Avenida dos Ferroviários, no dia do desaparecimento.

A Polícia Militar, a Polícia Civil e guardas municipais ajudaram nas buscas. Mas nada, o que aumenta a angústia de todos.

Quem tiver informações sobre Landão pode ligar nos telefones de contato: (11) 9.7186-8034 / (11) 9.9854-2812.