Criminosos atacam quartéis da PM em Bragança

Uma quadrilha com mais de 20 homens atacou os quartéis da Polícia Militar na cidade de Bragança Paulista, por volta das 3 horas da madrugada desta terça-feira (02). O objetivo dos bandidos era evitar que os soldados chegassem até a agência Caixa Econômica Federal o Centro, onde outra parte do bando tentava arrombar os cofres de penhores.

De acordo com o tenente coronel Luís Liberato Nascimento, os marginais estavam armados com fuzis e atiraram várias vezes no prédio do 34º BPMI, além de colocarem dois carros nos portões incendiando-os, para impedir a saída de viaturas. Mas graças à Força Tática que estava nas proximidades houve confronto e nenhum policial ficou ferido. Os criminosos desse polo de ataque fugiram em seguida no sentido de Minas Gerais.

Já em outro ponto da cidade parte da quadrilha atacou o pelotão da 1ª Companhia da Polícia Militar, atirando contra as paredes e jogando uma emulsão com explosivo no estacionamento. O Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) da Capital foi chamado para fazer análise do explosivo. Também não houve policiais feridos.

Enquanto isso, bandidos atearam fogos em veículos na Rodovia Alkindar Junqueira, a ligação de Itatiba para Bragança Paulista, para evitar a chegada de reforços do 49º Batalhão de Itatiba, Jundiaí, Jarinu e Campo Limpo Paulista, além de viaturas de Atibaia e Campinas.

Mais uma equipe de assaltantes incendiou veículos nas estradas de Piracaia e na Fernão Dias. Houve mobilização dos helicópteros Águia da PM de Campinas e da Polícia Federal. O Batalhão de Ações Especiais da Polícia (BAEP) de Campinas também foi destacado para tentar fazer cerco em possíveis rotas de fugas dos criminosos. A PM também utilizou drone para fazer buscas aos suspeitos na região.

Na Caixa Econômica Federal, apesar do uso de explosivos, o cofre onde estavam guardados dinheiros e joias de penhor não foi violado. Os bandidos não explodiram os caixas eletrônicos.

BRAGANÇA PAULISTAQuadrilha causa terror na madrugadaUma quadrilha com cerca de 20 homens fechou os acessos a Bragança Paulista na madrugada desta terça-feira (02) com veículos incendiados. Dentro da cidade houve ataques à base da PM e Delegacia Seccional. Outra parte dos criminosos tentou, mas não conseguiu arrombar o cofre da Caixa Econômica Federal do Centro. Cerca de 50 policiais estão mobilizados de toda a região para tentar localizar os criminosos.

Posted by Jornal da Região on Tuesday, June 2, 2020