Globo retoma as gravações em seus estúdios

Em uma matéria especial, o ‘Fantástico’ deste domingo, dia 16, mostra como foi o início da retomada das gravações das novelas da TV Globo que, em março, tiveram seus trabalhos interrompidos. ‘Amor de Mãe’ e ‘Salve-se Quem Puder’ voltaram aos Estúdios Globo na segunda-feira, dia 10, depois de quase cinco meses de estudos, planejamentos, trocas de experiências e a criação de um protocolo de segurança.
Renata Ceribelli esteve nos Estúdios esta semana, acompanhou as gravações das duas novelas e da série ‘Sob Pressão’; e conversou com as atrizes Flavia Alessandra e Regina Casé e com o diretor artístico de ‘Amor de Mãe’, José Luiz Villamarim. “Desenvolvemos uma espécie de escudo de acrílico para as câmeras que protege o câmera e o elenco. Essa invenção está sendo nossa grande aliada nessa retomada. Decidimos começar essa semana mais devagar, para a equipe se acostumar e para a gente ter um entendimento de como as coisas vão se dar de agora em diante. Tudo correu muito bem e todos estão bastante animados e estimulados com esse retorno”, diz o diretor.
De forma remota, Renata falou com Ricardo Waddington, diretor de Produção dos Estúdios Globo, sobre o processo de criação do protocolo que se propõe a dar o máximo de segurança às equipes durante as gravações. Todas as orientações são resultado de vivências próprias da Globo aliada a uma troca de experiência com produtoras de audiovisual de países como Itália, Suécia, Dinamarca, Chile e EUA. Renata falou, também remotamente, com Silvio de Abreu, diretor de Dramaturgia da TV Globo, e com o infectologista Alberto Chebabo, consultor dos Estúdios para a retomada.

A reportagem mostra que as recomendações começam logo na entrada, onde a temperatura de todos é aferida. Os caminhos são sinalizados de acordo com o territórios de atuação de cada profissional. O acesso ao set é limitado apenas àqueles que fazem parte diretamente do processo de realização da cena, com o mínimo de pessoas envolvidas, e devidamente protegidas. E ainda revela como os criadores estão usando a criatividade aliada à tecnologia para produzir o melhor da dramaturgia, sem que as limitações impostas pelos cuidados apareçam na tela para quem estiver em casa.

As cenas gravadas só irão ao ar em 2021, quando o público assistirá ao encontro de Lurdes (Regina Casé) e Domênico (Chay Suede), em ‘Amor de Mãe’, e Helena (Flavia Alessandra) descobrindo que Luna (Juliana Paiva) é a filha que deixou no México, em ‘Salve-se quem Puder’. As novelas irão ao ar após terminarem integralmente suas gravações, para que não haja risco de uma nova interrupção por causa da pandemia. Aos poucos, as atividades nos Estúdios Globo estão sendo retomadas, porém ainda sem a sua capacidade total de produção.
 
Mais ‘Fantástico’ – Que os drive-ins voltaram com tudo, todo mundo já sabe. Com cinemas, teatros e casas de shows fechados por causa da pandemia do coronavírus, eles se tornaram uma opção segura para quem busca entretenimento. O ‘Fantástico’ mostra que essa também foi a solução encontrada por casais que se viram obrigados a desmarcar a cerimônia de casamento. De dentro dos carros, os convidados assistem a cerimônia por um telão. No palco, ficam apenas os noivos, seus pais e padrinhos. Com exceção do padre e dos noivos, todos usam máscaras no altar. Comidas e bebidas são servidas em mesinhas instaladas ao lado de cada veículo. E o buquê é sorteado, para não haver aglomeração.
O programa também conta a surpreendente história de uma mãe que, depois de muitos anos aguardando por um transplante de rim, foi salva pelo próprio filho. Aos 65 anos, Maria Isabel sofria de insuficiência renal há 24 anos e, por obra do acaso, recebeu o órgão de seu filho, de 34 anos, que teve a morte cerebral atestada após um grave acidente de moto.
O ‘Fantástico’ vai ao ar na noite de domingo, dia 16, logo após o ‘Domingão do Faustão’.