Rede de Atenção Psicossocial de Jundiaí é referência para Itatiba

Jundiaí, além de referência em atendimento de alta complexidade para a região de Saúde da Aglomeração Urbana de Jundiaí (AUJ), é exemplo de serviços de assistência no atendimento da Atenção Básica e Ambulatorial. Nesta quarta-feira (09), a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) foi apresentada para o secretário de Saúde de Itatiba, Dr. Renan Dias Irabi, para o desenvolvimento de políticas públicas na cidade vizinha.

“Assumimos a gestão neste ano e estamos buscando o exemplo de Jundiaí para qualificar e ampliar o cuidado. Contamos atualmente com dois Centros de Atendimento Psicossocial (CAPS). As estratégias de Jundiaí com as políticas públicas em Saúde nos orientam a formatar avanços para Itatiba”, comentou o secretário, que quer conhecer o modelo de funcionamento da Clínica da Família, em funcionamento no Novo Horizonte e em construção dos prédios na Vila Hortolândia e Ponte São João.