HDO vai fazer cirurgia em Micaela

O Hospital Dia Oftalmológico (HDO) de Jundiaí anuncia que vai realizar a cirurgia que a jovem Micaela Fernanda Moreira, de 18 anos, está precisando.

O pai dela, Sérgio Henrique, chegou a criar uma campanha na cidade para arrecadar a quantia de R$ 15 mil para pagar uma cirurgia em Sorocaba de tratamento do ceratocome.

Micaela possuí uma doença que vem afetando a visão dela e já perdeu de um dos olhos.

A cirurgia que será realizada pelo HDO já foi até agendada para o dia 19 de fevereiro. É a crosslinking, para garantir que a jovem continue enxergando.

De acordo com o diretor administrativo do HDO, André Vaz, desde 2006 o hospital faz transplantes e cirurgias por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) e não será necessário a família ir até Sorocaba.

O HDO, por meio do doutor Marcus Casarin Comegno abraçou a causa de Micaela e vai acompanhá-la durante todos os procedimentos.

A equipe do HDO viu o apelo feito pela família por meio do “Jornal da Região” e chamou a jovem para exames e marcando a realização da cirurgia.

 

 

Micaela faz campanha para salvar a visão

BOS se posiciona
O Banco de Olhos de Sorocaba (BOS), principal referência para transplantes de córneas no Brasil, realizando 250 transplantes por mês, sendo 80% deles pelo SUS (Sistema Único de Saúde), esclarece que a paciente Micaela Fernanda Moreira deu entrada na Clínica Popular, ligada ao grupo BOS, em dezembro do ano passado.

“Na ocasião, a equipe médica avaliou o caso e a indicação foi para procedimentos alternativos, sendo eles os tratamentos cirúrgicos de Crosslink e anel intracorneano, em um olho e colocação de lente de contato, no outro, esta não coberta pelo SUS. A paciente não teve indicação médica para transplante, que é o único procedimento autorizado pelo SUS para pacientes fora da região do DRS XVI, de competência do BOS. Os demais procedimentos, para realizar pelo SUS, o paciente deve ser contrarreferenciado à sua região de origem”, diz a nota.